FACEBOOK DA MULTISOM HITS
data-size="large" data-show-faces="true" data-share="futura">
Paolla Oliveira tem fotos íntimas vazadas por colega de equipe durante gravação
02/03/2018 09:42 em Bastidores

Paolla Oliveira está indignada. Circulam pelas redes sociais fotos da atriz completamente nua, feitas clandestinamente durante a gravação da série Assédio. A produção é fruto de uma parceria da Globo com a O2, produtora do diretor Fernando Meirelles. A emissora já acionou a polícia.

 

Em post publicado no Instagram nesta quinta-feira (1), a artista manifestou repúdio à divulgação das imagens, em que ela aparece se despindo de costas, usando um tapa sexo. "O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei.", escreveu.

 

ATÉ QUANDO? Até quando a invasão da privacidade de um ser humano, o desrespeito a um ambiente de trabalho e a atitude desonesta de trair a confiança de colegas de trabalho serão tratados como um ato de esperteza em nossa sociedade? Esta é a pergunta que me faço e gostaria de compartilhar com todos. Sou atriz e estou trabalhando em uma série que se chama Assédio, uma produção da Globo com a O2Filmes. Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina - pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei. Em um momento em que todos estamos buscando uma sociedade mais correta, não há mais espaço para considerarmos esperteza o que é um desrespeito. As autoridades já foram acionadas para que esta atitude seja punida exemplarmente, e qualquer pessoa possa trabalhar dignamente, sem correr o risco de ter a sua intimidade exposta, explorada, desrespeitada por invasores, covardes e criminosos. #AteQuando

Uma publicação compartilhada por Paolla Oliveira (@paollaoliveirareal) em

 

Por meio de nota oficial, a Globo informou que procurou as autoridades policiais e promete aprimorar as medidas de segurança adotadas durante a gravação de seus produtos. "Estamos ao lado de nossa atriz Paolla e não pouparemos esforços para que sejam identificados os culpados e aplicadas as punições previstas na lei", diz o comunicado. 

 

Assédio é uma série inspirada na vida do especialista em inseminiação artificial Roger Abdelmassih, sentenciado a 181 anos de prisão pelo estupro de mais de 30 mulheres. Paolla interpreta uma paciente que se apaixona pelo médico. A atração será exibida pela Globo em sua nova plataforma de streaming. 

 

"A Globo foi surpreendida pelo vazamento de fotos da atriz Paolla Oliveira sem roupa, tiradas clandestinamente durante uma gravação da série 'Assédio', uma produção com a O2. Essas fotos ilegais foram feitas em um set de gravação em São Paulo e divulgadas em redes sociais. Estamos ao lado de nossa atriz Paolla e não pouparemos esforços para que sejam identificados os culpados e aplicadas as punições previstas na lei. A Globo repudia com veemência esse tipo de abuso, que atenta contra os direitos da atriz e viola a privacidade de seus ambientes de trabalho. O ato, que configura crime previsto em lei, também foi informado às autoridades policiais."

COMENTÁRIOS